O Zodíaco Natural

Uma vez que as casas são determinadas pela linha do horizonte (onde o céu e a Terra se encontram), elas ligam as atividades e as energias simbolizadas pelos planetas nos signos (os eventos celestes) à vida na Terra (eventos terrestres). Em outras palavras, as casas mostram áreas específicas da experiência do dia-a-dia através das quais se manifestam os efeitos dos signos e dos planetas. Cada uma das doze casas representa um departamento diferente da vida - uma fase especial daquilo que Rudhyar chama de "o espectro da experiência".

Continuamos, porém, com o problema de atribuir significado às diversas casas. Em geral, o significado de cada casa reflete o significado dos doze signos do zodíaco: Áries é considerado semelhante à lª Casa. Touro é considerado semelhante à 2ª Casa e assim por diante até o final quando encontramos a conexão de Peixes com a 12ª Casa. No que chamamos de Zodíaco natural (ver Figura 4), o primeiro grau de Áries é colocado no Ascendente, o primeiro grau de Touro é colocado na cúspide da 2ª Casa, o primeiro grau de Gêmeos é colocado na cúspide da 3ª Casa, e assim por diante. O Zodíaco Natural é simbólico, e seu propósito principal é ajudar o estudante a conseguir uma compreensão mais profunda do significado das casas. Na prática atual, as casas no mapa de uma Pessoa quase nunca se encontram em tal correspondência exata com os signos como no zodíaco natural.


A ligação de 0º de Áries com o Ascendente tem sentido pois tanto Áries quanto o Ascendente (cúspide da lá Casa) são pontos iniciais de seus respectivos ciclos. O ciclo anual do movimento aparente do Sol ao redor da Terra começa em 0º de Áries - o ponto de encontro do equador celeste com a eclíptica no Equinócio da Primavera (hemisfério norte). O ciclo diário do Sol através das casas tem início simbolicamente no Ascendente - o ponto em que o horizonte do observador da Terra encontra a eclíptica. Uma vez que tanto Áries quanto Ascendente implicam em inícios, é compreensível que ambos compartilhem significados similares. Áries é um signo que implica em "iniciação" (começo), novas partidas e o primeiro impulso para agir. O Ascendente e a lª Casa são associados com o nascimento e a maneira como encaramos a vida. O regente de Áries, Marte, também mostra energia inicial, o querer e a pressa em causar um impacto no ambiente.

Zipporah Dobyns em seu Livro de consultas do astrólogos descreve a astrologia como uma linguagem simbólica na qual os signos, planetas e casas formam o alfabeto. Ela acha que a astrologia representa doze maneiras de ser no mundo, ou então, os doze lados da vida. Esses doze aspectos da totalidade da vida podem ser escritos de maneiras diferentes como no alfabeto, onde temos as letras maiúsculas, as minúsculas e as itálicas. Os signos simbolizam uma forma das letras do alfabeto, os planetas outra, e as casas outra mais. Signos, planetas e casas, em outras palavras, representam maneiras diferentes pelas quais os doze princípios básicos podem ser expressos. Mais especificamente, Áries, Marte e a lª Casa representam uma letra; Touro, Vênus e a 2ª Casa, outra; Gêmeos, Mercúrio e a 3ª Casa uma terceira, e assim por diante. É preciso lembrar, no entanto, que qualquer planeta ou signo pode estar localizado em qualquer casa, dependendo da hora exata, local e data do nascimento. Por este motivo, os fatores simbolizados por um signo, planeta ou casa se acham misturados.

Nenhum comentário: