Netuno na 1ª Casa


Na 1ª Casa, Netuno difunde os limites entre um sentido do self como entidade separada e outras pessoas. Em casos extremos, os que têm Netuno na 1ª Casa são como espelhos: eles só refletem quem ou o que está à sua frente. Por derivarem suas identidades daquilo que as pessoas querem ou necessitam que elas sejam, os outros podem dirigir-se a elas para a sua salvação: "Enfim, aqui está uma pessoa que realmente me entende e que gosta de mim, e que é naturalmente tudo o que eu preciso em outra pessoa." No entanto, a lua-de-mel acaba quando observam que o Netuno na 1ª Casa se ajusta, se abre e se adapta de maneira semelhante a tudo o que está à sua volta, e não só a elas. Com todo o direito, devemos louvar o Netuno de 1ª Casa por sua notável sensibilidade para com os outros, mas também devemos nos preocupar com sua falta de um claro ou bem-definido sentido de sua própria identidade e direção de vida. Não tendo cristalizado um sentido de self, eles se apropriam do que é dos outros.

Em geral, a 1ª Casa força a perceber o self como indivíduo distinto e único, o que conflitua com a tendência netuniana de dissolver e imergir de volta a um estado de totalidade indiferenciada. Quando eles acabam de construir algo ou de estabelecer um sólido passo à frente, os acontecimentos parecem conspirar para corroer ou minar os alicerces - e toda a estrutura vem abaixo. Não importa por que razões, uma pessoa com Netuno na 1ª Casa está sendo chamada ao sacrifício ou a deixar de lado o sentido de ser um self separado. Esse tipo de falta de self ou estado de falta de ego é a meta de muitos seguidores místicos, e esse posicionamento de Netuno pode ser "natural" a respeito. Mas pode-se perguntar, com todo o direito e antes de mais nada, se Netuno nesta casa teve alguma vez um self para abandonar.

O problema pode originar-se dos primeiros vínculos com a mãe. Não é possível crescer separados e entregues à nossa própria sorte, a menos que alguma outra pessoa nos tenha amado o bastante para fazer-nos sentir que valemos algo para sermos "alguém". Uma intimidade simbiótica com a Mãe é o primeiro estágio deste processo; nos primeiros anos, temos necessidade de uma mãe aconchegante, cuidadosa e boa, a fim de desenvolver a coragem e as forças para crescer e nos transformar num indivíduo autônomo. Se isso não acontece, não só ficamos com medo de sermos nós mesmos, mas tendemos a procurar um "modelo perfeito" em outra pessoa que não tivemos quando crianças, ajustando-nos desproporcionadamente para conseguir isso. O problema, porém, é que: se não somos suficientes, então ninguém mais é suficiente.

No entanto, se quando crianças temos a segurança do amor de nossa mãe, eventualmente começamos a sentir que podemos seguir em frente com um pouco menos. Além disso, queremos explorar mais o ambiente, aventurando-nos e fazendo experiências. Nesse estágio, a Mãe precisa nos deixar ir por nossa própria conta, ou então poderemos nos sentir culpados pela nossa necessidade de isolamento.
Com Netuno na 1ª Casa, algo poderia dar errado em algum desses dois estágios importantes de simbiose e separação. Se não havia um laço bastante seguro com a mãe, então os que têm essa posição tendem a ter receio de desenvolver uma identidade forte e individual. Mas se foram proibidos por ela de se separarem, eles podem nunca ter tido a oportunidade de descobrir se estão em seu próprio direito. Com a ajuda de terapias ou de qualquer das muitas formas de auto-exploração conhecidas hoje em dia, nunca é tarde para começar.

Com Netuno na 1ª Casa, a personalidade ou a classe pode representar qualquer das possíveis conotações de Netuno. Enquanto sua prolixidade os faz parecer misteriosos ou enigmáticos, alguns vagam sem destino pela vida. Outros escolhem para si o papel de mártires e então se ressentem se os demais se aproveitam deles. Alguns são presa fácil de quem se oferece para salvá-los ou resgatá-los. Outros podem voltar-se para drogas fortes e para o álcool, numa tentativa de aliviar as mais duras realidades da vida, e acabam considerando-se ainda piores no fim.

No entanto, há muitas maneiras positivas de expressar Netuno. Por poderem englobar setores além dos limites do ego normal da existência, eles podem ser capazes de expressar sentimentos e imagens coletivas através de uma espécie de mediunidade artística. Suas visões podem verdadeiramente dar inspiração a outras pessoas incapazes de ver tão facilmente nessas dimensões. E esse posicionamento muitas vezes aparece em mapas de excelentes advogados e de pessoas dedicadas à cura; os limites não muito nítidos de Netuno os capacitam a "se sintonizarem" e a ajudarem os outros. Alguns dedicam toda a sua vida a melhorar ou a redimir o planeta.

Se Netuno está próximo do Ascendente, a pessoa talvez possa nunca ter desejado nascer, em primeiro lugar. Ela vai precisar aprender a dizer sim à vida para anular o efeito de uma persistente ansiedade por voltar à totalidade oceânica do útero. Como alternativa esses desejos podem ser projetados para a frente, numa direção espiritual, dando vida à ansiedade mística por estados mais altos de consciência.

Com Netuno na 1ª Casa, é possível que se verifique alguma confusão no nascimento e nos primeiros anos de vida. Tenho visto esse posicionamento em mapas de pessoas cujos nascimentos foram envoltos em mistério ou mantidos em segredo. As primeiras condições podem não contribuir para o seu sentimento de confiança e de segurança na vida, como se elas fossem chamadas a sacrificar o amor e a atenção que normalmente são dispensados à criança recém-nascida. Doenças em tenra idade tendem a acentuar ainda mais o pouco apego à vida que têm em seus corpos.

14 comentários:

Camila disse...

incrível... tenho netuno em capricórino na casa 1, sou filha adotiva, isso explica MUITA coisa.

Holden Caulfield disse...

Tenho Netuno em capricornio na casa 1 junto a urano e venus. Isso eh bom? Nao sou filho adotivo mas sempre tive problemas com meu pai e sou o mais diferente dos meus 4 irmaos.

Holden Caulfield disse...

Tenho Netuno em capricornio na casa 1 junto a urano e venus. Isso eh bom? Nao sou filho adotivo mas sempre tive problemas com meu pai e sou o mais diferente dos meus 4 irmaos.

Júlia Izé Rodrigues disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Júlia Izé Rodrigues disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Júlia Izé Rodrigues disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria Alice Monteiro disse...

Tenho netuno em aquario na casa 1 ,por muito tempo (e até hoje) venho me rebelando por ser filha fora de casamento e ser tão diferente dos meus irmãos

Nayá Katu disse...

gostei do texto!!!

Ana Carolina Garayo disse...

Que coincidência
Também tenho netuno em capricórnio na casa 1 e também sou adotiva.

Mariana Moraes disse...

tenho Netuno e Urano na casa um, ascendente em capricórnio. Minha mãe engravidou muito jovem e foi expulsa de casa pelo meu avô, quando criança eu ficava com a vizinha enquanto ela trabalhava. O sentimento de que tenho é que devo me esforçar, trabalhar, consigoGostaria meus anseios de signo sagitário através do meu ascendente, mas as vezes quero me perder no ar, ser mistica, transcender, que a vida é mais que isso e etc, acho que tem a ver com Netuno, total.

Farley Moreira disse...

Nossa ótimo texto e ótimos comentários muito bom msm me identifiquei tenho neturno na primeira casa sou de capricórnio, filho adotivo mais amo minha mãe de mais. E tenho muita curiosidade da minha identidade queria saber de tudo e mais um pouco mais minha mãe nunca me conta . Só oke sei e o que me lembro . Mais oque queria saber e de quando eu nn me lembro . 😥❤✌☝ amei o texto

Anônimo disse...

Tenho netuto na casa 1 em peixes, quais aspectos estão mais relacionados comigo?

Unknown disse...

Ola Mariana, sinto exactamente o mesmo, a minha mae tinha 17 anos quando eu nasci e nunca me soube amar. Hoje sou autónoma mas sinto me a vaguear no mundo sem rumo, sinto que não pertenço a nada nem nada me pertence e é dificil, sou toda solidão. Tenho sol em câncer e ascendente em sagitário, Neptuno e Urano na casa 1

Andresa Almeida disse...

Muito esclarecedor. Se encaixa bastante em alguns aspectos essa falta de amor materno . Minha mae faleceu quando eu era bem pequena então sinto muita falta dessa figura materna e do que ela poderia ter passado pra mim. Tendo a buscar isso em outras pessoas. Netuno em capricórnio na casa 1.