Ascendente Câncer - Descendente Capricórnio

Com Câncer no Ascendente consegue-se uma maior realização por intermédio de uma sofisticada harmonização com os sentimentos. Algumas pessoas que têm Câncer ascendente (sobretudo se o resto do mapa for predominantemente de Água ou se Netuno estiver muito aspectado são de tal maneira emocionalmente vulneráveis e expostas que aprendem a proteger-se, desenvolvendo uma dura casca externa. Sua tarefa é encontrar meios de usar sua própria sensibilidade em vez de serem esmagados por ela. Outras pessoas com Câncer ascendente (se o resto do mapa tiver bastante Terra ou Ar) podem ignorar quanta coisa existe por baixo da superfície calma e disciplinada. Este tipo atrairá experiências que dão ênfase à necessidade de reconhecer, respeitar e liberar os sentimentos.

A natureza do caranguejo fornece uma descrição apropriada do Câncer ascendente. Além de estar instantaneamente pronto para se retirar para dentro de sua concha, o caranguejo tem um jeito específico de se aproximar de situações a partir de uma posição lateral, refletindo a natureza indireta deste signo ascendente. O caranguejo não se sente bem na água o tempo todo, então arrisca-se na terra; em seguida, porém, retira-se de novo para a água. Câncer no Ascendente também mostra a dança de fluxo e refluxo da maré: dois passos para a frente, um passo para trás. Câncer na 1ª Casa deveria aprender a respeitar e aceitar um sentido interno e orgânico do seu próprio ritmo e cadência. Neste sentido, eles são capazes de entrar em sintonia com a natureza clínica da vida. Há também a grande tenacidade do Câncer. Suas garras não soltam facilmente o que seguram. As pessoas com Câncer no Ascendente agarram-se aos seus sentimentos, sejam eles de alegria ou dor, e não os abandonam facilmente, até que um sentimento mais forte apareça. Explicações, discussões e racionalizações, que são bem compreendidos pelos signos do Ar no Ascendente, não terão sucesso com o caranguejo e poderão até ser usados contra você.

O signo de Câncer é associado ao útero e aos seios. Os seios fornecem a alimentação para sustentar uma nova vida, e o útero é o meio ambiente perfeito onde alguma coisa pode crescer. Se Câncer está no Ascendente, a pessoa cresce em autoconhecimento, desenvolvendo qualidades de alimentar e cuidar. Seja cuidando da família, de um negócio ou de uma causa fortemente sentida. Câncer ascendente floresce e "encontra seu próprio sentido". No entanto, se eles evitam a versão ativa do papel de mãe, arranjam um jeito de escorregar para o lado oposto, isto é, procurando outros para serem mães deles. Uma superidentificação com a mãe, uma tendência a continuar bem longe do seio da família de origem ou uma permanente procura da Mãe Ideal que perderam ou nunca tiveram são algumas das manifestações de Câncer no Ascendente.

O signo oposto, Capricórnio, estará na cúspide oposta da 7ª Casa e evoca as qualidades que põem em equilíbrio os extremos de Câncer. As pessoas com Câncer ascendente podem ser inundadas e assoladas por ondas de emoções e sentimentos, mas para manter um relacionamento é necessário que façam uma clara distinção entre as emoções apropriadas e úteis e aquelas que devem ser filtradas ou controladas. Através do relacionamento, constrói-se uma estrutura (Capricórnio) para a qual os diversos sentimentos desregrados e caóticos de Câncer possam fluir. É possível que representem suas próprias necessidades para conseguir realizar-se na vida através da ajuda a outra pessoa para que esta se torne um sucesso e consiga se estabelecer (Capricórnio na 7ª). Com esse posicionamento, espera-se que o parceiro ofereça segurança, força e estabilidade. No entanto, em certo momento, o Câncer ascendente vai ter de encontrar essas qualidades dentro de si mesmo, e não ficar à espera que os outros lhas tragam.

Este Ascendente tem uma característica "cara de lua”, redonda, receptiva e agradável. Muitas vezes, a aparência é suave, meio cheia e com propensão a engodar e a reter líquidos. A parte superior do corpo pode estar fora de proporção com o resto do tronco.

O compositor austríaco Franz Schubert nasceu com Câncer ascendente e seu regente, a Lua, se encontrava em Peixes na 10ª Casa, uma boa configuração para um homem que conseguiu exprimir tanto sentimento em sua carreira musical. Vincent Van Gogh tinha Câncer no Ascendente, e a Lua em quadratura com Netuno, Marte e Vênus. Sua vida errante é um exemplo capaz de mostrar os extremos de caos de sensibilidade e emoção, associados a esse signo ascendente.

4 comentários:

leticia Alarcão disse...

Muito interessante, me ajudou bastante

Vivian Pereira Queiroz disse...

Muito bom!

Vivian Pereira Queiroz disse...

Goataria de estudar mais a respeito, indica alguma bibliografia?

Lara Moncay disse...

Olá. relacionei os livros que uso para confecção do blog e outros que uso para estudo, olhe ao lado tem uma relação que eu considero das melhores.
Grata por seus comentários.