Lua em Peixes

Peixes se encontra além das palavras. Sua energia nos enfrenta muito além de outras com a dificuldade central na aprendizagem de astrologia: como focar de forma inteligível a capacitação de totalidades e ressonâncias que adotam múltiplos significados nos planos concretos, mas que são intuídos com uma grande quantidade em outros níveis.

Em peixes a energia termina num ciclo e se prepara para a seguinte. As formas são agora meras condensações de um contínuo de matizes vibratórias. No oceano de sensibilidade cada ponto ressoa com os demais, em um ritmo que ultrapassa a totalidade e está novamente em tudo, na ordem que melhor satisfaça as necessidades do conjunto.

A sensibilidade é a característica central neste espaço zodiacal. Isto implica em uma entrega que deixa sem sentido a sensação de autodefesa. Em Peixes o “todo”- com sua amorosa inteligência - vela pela segurança de suas diferenças, que não necessitam perder energia em constituir barreiras nem limites de contenção para proteger-se. A qualidade pisciana dissolve toda a estrutura, para deixar em liberdade a energia capturada nas tensões e permitir assim uma máxima capacidade de resposta as necessidades globais. De um ponto de vista seqüencial, cada elemento deverá esgotar as experiências não terminadas - aquelas para as quais ainda não tenha alcançado a correta sensibilidade - a fim de que o ciclo seja consumado e se libere a energia que dará origem ao próximo.

Esta maravilhosa pauta provoca grandes problemas para a organização psíquica do ser humano, naturalmente necessitado de limites e auto-sustentação. Para qualquer pessoa com fortes influências piscianas em sua mandala de nascimento, se fará difícil construir uma estrutura psíquica diferenciada e estável.

Descrever as complexidades do processo de organização psíquica dos sistemas de energias piscianas excede os limites deste texto, mas devemos tê-las presentes no que podemos dizer à respeito da Lua em Peixes.

No espaço anterior - Aquário - vimos como, na medida em que alcançamos os últimos signos do zodíaco, se agiganta a distância entre aquilo que propõe a energia e as possibilidades que temos hoje, os humanos, de torná-la possível.

A Lua em Aquário nos mostrou a etapa na qual já não é necessária nenhuma proteção fechada para poder experimentar a segurança. Nela, o próprio céu é o lugar e aqueles que nascem no instante da Lua aquariana deixam, para todos os outros, a possibilidade de renovar pautas ancestrais da afetividade humana. No signo seguinte, a Lua já não parece nos dizer como construir um refúgio, nem sequer nos propõe confiar no que está aberto. Só se entrega a onipresente inteligência compassiva da totalidade, para focalizar seus atributos à serviço daqueles a quem lhe deve proteção e cuidado.

Nascer com a Lua em Peixes significa ser um veículo para a proteção dos seres que necessitam. Ser portador de uma máxima sabedoria sobre a vulnerabilidade da vida em sua origem, de seus mecanismos e de como satisfazê-los. O contato profundo com a qualidade de proteção universal do vivente é um atributo desta Lua, fazê-lo presente para os demais é seu talento. A proteção pessoal surgirá naturalmente no mesmo cuidado de tudo aquilo que necessita.

5 comentários:

Jorge Ramiro disse...

Eu sou um peixe no horóscopo tailandês. Os peixes são muito paciente e não se importam muito para as coisas. Há problemas que não são problemas. As pessoas fazem-lhes problemas. Eu tenho um amigo que trabalha no restaurante a figueira rubaiyat. Sempre ocupado. Mas ele é uma pessoa muito descontraída. Trabalha duro, mas sem stress.

Laura Laurinha disse...

Sou do dia 18 de março de 1970,nasci as 00:28minutos.(pisciana) com ascendente em capricornio,a pergunta é quando se fala em lua em peixes isso tem a ver com a pessoa que é do signo de peixes? Grata pela explicação se possivel.Abraço fraterno,bjs.

Anônimo disse...

Como havia dito no outro comentário, sou Psicóloga c lua em peixes na casa 2, em meu mergulho de auto-conhecimento sobre a forma de construir meus vínculos, pude perceber que não criei bases sólidas para minha segurança pessoal (auto-sustentação) e pelo contrário, e estava num mecanismo de auto boicote...vivendo uma ilusão mto distante da realidade que agora começo a perceber.

Lara Moncay disse...

O signo de peixes se refere ao posicionamento solar, quanto a Lua em peixes há muitas diferenças.
Grata pelos comentários.

Thiago Dias disse...

Já conseguiu saber que estando com a posição de Lua, seu lado receptivo, numa casa material, trata-se uma casa sucedânea. É um lado emotivo, "ying" para não chama-lo feminino, e tendo vc como ascendente aquario, que aparentemente a preserva, não aasta vc de uma vibração sutil, principalmente das emoções alheias! Vc é um receptácu-lo vivo da vida dos outros, podendo, dependendo das ativações planetárias dos seus anos - suas revoluções, seu emocional que transcende a sua matéria, que é extremamente emocional, poderá fazê-la sentir-se como uma rádio frequência que capta tudo o que quer e nao quer. Pode ter uma forte tendência ao uso de drogas ou vícios que satisfaçam seus prazeres obscuros ou conscientemente aceitos. Sua capacidade de sentir o sutil do mundo material e imaterial poderá fazê-la adoecer, regenerar-se porque peixes é o começo e o fim, a cura e a doença, o renascimento e a capacitação da trigonocracia de uma Lua aquática. Vc se liga ao idealismo sonhador e age com motivações sensacionais, mas casonao seja assim, ou nseja capaz de se equilibrar e perceber quem está ao seu lado, seu estado emocional suga, molda, acopla e atrai pessoas que precisam ser limpas. Uma pessoa c a Lua em Peixes em uma casa material, principalmente na casa dois, teve uma infância de abnegação, mudanças vruscas de humor ao seu redor, fortes traumas que devem ser trabalhados, mas somente se trabalham quando curam os outros ou tentam. A flutuação financeira muda o tempo todo, como as fases da Lua, e detém uma capacidade única para desenvolver mediunidade e habilidades extrassensoriais, como vidência, desdobramebtos astrais, manipupalção mental, enfim, é um posicionamento que deve saber a conexão comos signos de escorpiao e cancer e os demais planetas e seus aspectos. Ver as geometrias sagradas, principalmente a conexao com Plutao, Netuno, marte, jupiter e as casas 5 e 10, em formam o trígona, obde primeiro eu sou meu corpo, estando bem pra ser vc e depois disto entrar em ação: fabtabdo determinação mental: saber como se relacionar. Preocupar-se com as casas de percurso da alma ou psíquicas: 4, 8 e 12, que tratam as memórias, seu lado feminino, a figura que lhe acolheu, sua capacidade de recepção, bem como os segredos que guarda sobre os outros, se os escondeu, guardou para si para retirar a culpa do outro, para ser a vítima e curar-se com o carinho do outro e, assim, poder se relacionar, e com a capacidade de saber inteligir que a transcendência de uma Lua na casa dois a faz ter um destino de equilíbrio enocional para n perder a sanidade sendo apenas alguém que perdeu o contato com a realidade!