Plutão na 1ª Casa

Com Plutão na 1ª Casa, um estilo pessoal do indivíduo, o destino e a maneira de encarar a vida precisam incluir e reconhecer a natureza deste planeta. Acima de tudo, Plutão é criador e destruidor e quem tem Plutão na 1ª Casa vai expressar um ou os dois lados do planeta. O melhor é reconhecer suas próprias necessidades destrutivas; da mesma forma, eles poderão inconscientemente provocar para que acontecimentos, outras pessoas ou seus próprios corpos entrem em ação como agentes "desestruturantes" para eles. Em outras palavras, de algum modo o reino do mundo inferior de pensamentos ocultos, sentimentos e motivações tem de ser avaliado; eles não escapam ilesos tentando viver na superfície da vida.

Quem tem Plutão na 1ª Casa pode usar seu desejo destrutivo por muitas razões. Por exemplo, quando julgam que seu progresso ou evolução é bloqueado ou impedido por certas estruturas de suas vidas (tais como um emprego ou um relacionamento) entes eles vão remover isso para dar espaço a novas possibilidades e a maior crescimento. Se não tomarem conhecimento de sua frustração, evitando fazer algo positivo a respeito, então agirão de maneira a forçar a outra pessoa a terminar um relacionamento, ou um patrão a despedi-los de um trabalho de que não gostam. Como regra geral, é desonesto e nada vantajoso para nós deslocar a responsabilidade de qualquer planeta na 1ª Casa para outra pessoa ou acontecimento.

Em alguns casos, eles podem usar seu poder de destruição porque há algo "lá fora" que os faz sentirem-se vulneráveis, ameaçando seu senso de proteção e segurança. Sua filosofia no caso é: "Livre-se dele antes que ele se livre de você", e têm a capacidade de lidar rudemente com a vida, se necessário. Há uma parte deles que divulga qualquer coisa para sua própria sobrevivência; ou então eles agem como o escorpião que, quando acuado, se ferroa para morrer antes de dar a outrem a chance de derrotá-lo. Os impulsos primitivos e instintivos da natureza terão de ser "reconhecidos" e aceitos antes de serem transformados e recanalizados. Alguns podem chegar a extremos e se identificar com o lado sombrio da vida, acreditando que são "a encarnação da maldade". Nesses casos, existe a necessidade de descobrir que eles não são apenas uma Ereshkigal, mas que têm também um lado mais iluminado e mais valioso neles (Inana).

Dois exemplos ilustram a enorme variedade do uso da energia destrutiva de Plutão. Adolf Eichmann, que engendrou a eliminação de milhões de judeus, nasceu com Plutão em Gêmeos na 1ª Casa regente de Escorpião na 6ª, a casa do trabalho. Por outro lado, Copérnico, o pai da astronomia moderna, usou seu Plutão de 1ª Casa de maneira diferente, estabelecendo que na verdade a Terra gira em torno do Sol e não vice-versa, e destruindo completamente um paradigma básico no qual se baseava toda a visão de vida de uma era.

Como se pode deduzir, quem tem Plutão na 1ª Casa vai periodicamente arranjar impulsivas mudanças em seu modo de vida. Eles podem alterar dramaticamente sua aparência física até certo ponto - perder muito peso ou vestir-se de modo radicalmente diferente. Se Plutão é muito aflito por trânsitos ou por progressão, podem mudar o aspecto exterior e cuidar mais da vida interior, como se morressem e renascessem como outra pessoa. Por exemplo, Richard Alpert (Plutão em Câncer na 1ª Casa) era um professor na Universidade de Harvard que, após experimentar drogas alucinógenas, foi para a índia e mudou seu nome para Baba Ram Dass.

Se Plutão está junto do Ascendente, o próprio nascimento pode ter sido uma batalha crucial de vida e morte. Vi alguns casos em que o nascimento do filho quase causou a morte da mãe. Em qualquer lugar na 1ª Casa em que esteja localizado, Plutão também sugere dificuldades ou traumas marcantes nos primeiros anos de vida, dando a eles a impressão de que a vida é um tormento. Confiar no mundo vai ser um problema, pois suas experiências na primeira infância mostravam que o mundo não estava necessariamente do lado deles. Se eles são tão desumanos para sobreviver, porque os outros não o seriam? Andando por aí, antevendo desastres, eles acham que têm de se proteger contra a destruição e a ruína. Por esta razão, são pessoas sozinhas, com dificuldades para se sujeitar ou para cooperar com os outros. Para alguns, a necessidade de poder provém desta desconfiança do mundo - se não estão no comando, coisas terríveis podem acontecer. Precaver-se contra o mal também pode ser a raiz de padrões de caráter obsessivo-compulsivo.

Na mitologia grega, Plutão quase sempre fica no mundo inferior; nas poucas vezes que apareceu na superfície, ele usava um capacete que o tornava invisível. Do mesmo modo, quem tem Plutão na 1ª Casa pode se proteger sendo discreto e encoberto. Quando mostram demais aquilo que está acontecendo lá dentro, isso pode dar poderes a outros sobre eles. Por esta razão, muitas vezes parecem misteriosos e distantes. Bobby Fischer, nascido com Plutão em Leão na 1ª Casa regente de Escorpião na 5ª (jogos e hobbies) usou de maneira adequada o lado astuto e tático deste posicionamento, ganhando o título de campeão mundial de xadrez.


Quando os que têm Plutão na 1ª Casa saem e se arriscam a abrir-se, fazem isso com bastante intensidade. Ocasionalmente, sentimentos abafados podem irromper, inclinando-os a agir de modo extremo. Se Plutão está junto do Ascendente, seus olhos podem ser frios e penetrantes como se estivessem olhando profundamente para o que está acontecendo à sua volta. Alguns exalam uma forte sexualidade, tal como Mick Jagger, com Plutão em Leão na 1ª, regente da 5ª. Normalmente, têm muita paciência e conseguem dedicar-se intencionalmente a uma causa ou a um empreendimento. A força de sua vontade é enorme e eles brigam consigo mesmos entre usar esta força de uma maneira construtiva ou destrutiva. Suas vidas podem ser contadas através de muitos altos e baixos, como se tivessem que experimentar as duas possibilidades, a pior e a melhor.

2 comentários:

Letícia disse...

cópia de plutão nas casas de donna conninghem

Igor Alceste Lopes Comucci Lopes Comucci disse...

Eu tenho Plutão em libra na casa 1..sou músico..e adoro inovar nos ritmos musicais..acho que vou para lado construtivo de Plutão..busco espiritualidade na musica..algo que penetre profundamente no interior do ser e arrancar tudo de negativo...tenho sol em peixes na casa 6..me impenho demais com meus trabalhos artisticos..sempre buscando o equilíbrio e a harmonia e espiritualidade..obrigado..Igor..