Plutão na 2ª Casa


Como Urano e Netuno nesta casa, Plutão implora ao indivíduo que entre mais profundamente no significado dessa esfera e não permita que a vida seja vivida de maneira normal e descomplicada nesta área. Questões sobre aquisição de dinheiro e posses, e a questão da segurança em geral, não podem ser tomadas como aparecem quando Plutão se encontra localizado na 2ª Casa.

Com Plutão aqui, é necessário descobrir as motivações subjacentes que impulsionam sentimentos tão fortes e apaixonados sobre dinheiro e segurança. Para alguns, o dinheiro está imbuído de uma divindade que determina se eles devem viver ou morrer. Dinheiro e poder podem resultar como controle sobre outros, ou como medida de segurança para aqueles que acham que o mundo esta aí para destruí-los. O sucesso material pode ser pensado como um meio de aumentar sua atração sexual. Alguns podem ver enormes posses como uma maneira de estender seu território de influência, e com isso ganhar novamente um sentido de onipotência perdido na infância ou, se foram maltratados ou menosprezados quando crianças, adquirir grande fortuna e status pode ser a maneira de provar seu valor ao mundo.

Plutão monta seu altar de destruição em qualquer casa que ocupe. Conseqüentemente, quem tem este posicionamento pode agasalhar um temor de que algo está à espreita nas sombras que vai tentar dissipar seus recursos e posses. Eles vão acumular dinheiro na tentativa de enfrentar este perigo. Plutão chega a extremos, e eles tendem a vivenciar os dois lados da escala: a pobreza e a riqueza. Se se tomaram demasiado preocupados ou identificados com suas contas bancárias, com seus carros ou mansões, Plutão pode destruir essas formas exteriores de autodefiniçâo varrendo essas ligações externas ou ornamentos de modo a poderem descobrir quem eles são dentro de si mesmos. Eles próprios podem provocar inconscientemente essa catástrofe, de forma que um sentido interno e mais permanente de valores e de segurança possa ser encontrado.

A posição de Plutão na casa mostra onde podemos dar significativas contribuições para a sociedade. Na 2ª Casa, a pessoa tende a ter certas quedas ou habilidades capazes de influenciar e modificar de alguma maneira o mundo. Os recursos inatos e os valores a serem desenvolvidos são de uma profundidade de percepção anormal, de uma poderosa convicção e de uma habilidade para decidir em tempos de crise. Plutão pode cortar e eliminar tudo o que não é essencial, purificando e dinamizando assim aquilo que toca. Quem tem Plutão na 2ª Casa é capaz de pegar qualquer coisa que pareça não ter valor e transformá-la num objeto valioso.


Seus lucros e recursos de autovalorização podem ser obtidos através de profissões associadas a Plutão, tais como pesquisas, psicologia, parapsicologia e medicina, trabalhos em minas e no subsolo, detetives e agentes secretos, antiquários e restauradores etc.

Um comentário:

Carmen Thais Almeida Vasconcellos disse...

Segundo o Via Astral Plutão está transitando junto com Vênus na casa n°2 onde tem dois signos: Sagitário na cúspide sendo final deste signo passando até a metade de Capricórnio.

Thais Vasconcellos